terça-feira, agosto 22, 2017

DIVULGAÇÃO...


RAMTHAR
Mike Deodato e Mozart Couto
Mythos Editora
Preto e branco, 84 páginas, capa dura

Um grata satisfação essa edição luxuosa, ainda mais se tratando de quadrinho 100% nacional. Parabéns aos editores e a editora Mythos pelo lançamento.

Quem vivenciou os anos 80 e naquela época colecionava quadrinhos nacionais, com certeza tiveram contato direto ou indireto com esses dois grandes artistas brasileiros, Mozart Couto e Mike Deodato. Eles sempre foram muito acessíveis e estavam sempre colaborando com os fanzineiros da época. Eu mesmo tive a honra de me corresponder diretamente com Mozart Couto e cheguei a adquirir seus trabalhos.


RAMTHAR é sem dúvida um resgate histórico que deve ser prestigiado por quem se considera fã, leitor e colecionador de quadrinhos nacionais. Os originais dessa obra ficaram perdidos durante décadas e só foi possível realizar a publicação graças ao agente belga Piet Du Lombard, que havia escaneado, na época, os originais produzidos pelos artistas, uma vez que o próprio Deodato não possui mais os originais.

Uma boa opção para se adquirir seu exemplar de RAMTHAR é através da Amazon.com.br, que tem o produto a um valor bem acessível.


O álbum conta a história de um mundo desolado, um deserto sem fim. Numa terra onde a loucura impera e homens matam por sobrevivência ou capricho, onde um guerreiro não irá se curvar frente à crueldade dos saqueadores e à violência dos poderosos. Ele protegerá aqueles que lhes são caros, mesmo que o preço disso seja sua própria vida! O nome desse guerreiro é RAMTHAR.

Criação da dupla de quadrinhos Deodato Borges e Mike Deodato Jr. (pai e filho), Ramthar ganharia força insuperável em duas tramas produzidas na década de 1980 com roteiro e desenhos de Mozart Couto e arte-final de Mike Deodato Jr.. Conheça Jannus, Yreva e o cão Bórus, que, junto com nosso destemido protagonista, enfrentam a desolação pós-apocalíptica.


Além das histórias com Mozart Couto, temos uma trama onde Mike Deodato Jr. Se junta com seu pai para lançar Ramthar para o mercado americano, numa história cheia de mutações e cientistas insanos! E, de bônus, este volume também contém a primeira aparição do personagem nos quadrinhos, numa curta história de humor. A edição apresenta também artes do personagem realizadas para sua aparição na revista Jade Warriors, bem como uma arte inédita feita por Mozart Couto especialmente para esta edição.

Inspirados pela coragem editorial da Mythos, o pessoal da Panini bem que poderiam lançar uma coletânea dos trabalhos do Deodato para a Marvel em uma edição em preto e branco (Pecado Original seria um bom começo).


Também acho que está na hora de Mozart Couto “sair da toca” e começar a participar de eventos ligados a quadrinhos. Um sketch com autógrafo na minha edição viria bem a calhar, he, he, he.

Nenhum comentário:

Postar um comentário